Quarta-feira, 7 de Março de 2007

Morrer ao sul do Sul

.Cadáver em vida
Morte a prazo
O sofrimento
A agonia da morte denominada vida

Drogas
Venenos inúteis
Que não matam a dor
Que não curam a vida

Dolorosa e inútil salva via
Para salvar a vida
Ínvio caminho de morte

A morte na ponta dos dedos
Sem se poder formalizar
É assim morrer ao sul do Sul

A morte congela na ponta dos dedos
Um dois três dias
De eternidade
A eternidade

Sardónico riso o teu.

Dedicado a todos os doentes em estado terminal, a quem os ama e a quem amam.
Dedicado aos anjos que lhes ministram os cuidados paliativos.
música: "End of The Road" dos Sentenced (R.I.P.)

publicado por Buraco Negro às 18:12
link do post | comentar

o Buraco


. 17 seguidores

Abril 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

Morrer ao sul do Sul

tags

todas as tags